5 dicas para evitar invasões em sua casa

5 dicas para evitar invasões em sua casa

Atualmente uma das maiores preocupações das pessoas é em relação à segurança. E isto não é uma surpresa, pois o número de furtos e assaltos a residências tem aumentado a cada dia.

Pesquisas mostram que a grande maioria das invasões em casas ou condomínios acontece sem o uso da força pelos bandidos. Os ladrões aproveitam de descuidos e esperam os momentos mais propícios para invadir. Em outros casos, simplesmente usam portas ou janelas destrancadas por falta de atenção dos donos.

Nesse post separamos 5 dicas para evitar invasões em sua casa ou seu condomínio. Confira a seguir:

Atenção às redondezas

É uma dica simples que muitas vezes deixamos de lado. Muitos assaltantes utilizam a nossa entrada ou saída em garagens e acabam passando despercebidos. Por isso sempre que for entrar em sua casa ou prédio fique atento se não existem pessoas te seguindo ou suspeitos escondidos nas proximidades aguardando a sua chegada. Ao notar qualquer atitude incomum dê a volta no quarteirão e entre em contato com a polícia.

Iluminação com sensores

A utilização de luzes que são acesas por sensores de movimento ou proximidade em jardins, entradas de garagens e portarias é uma ótima forma de detectar qualquer movimento suspeito. Com as luzes apagadas os invasores têm maior liberdade para se mover, mas quando aproximarem da residência as luzes serão acesas, atraindo a atenção de moradores e porteiros e assustando os invasores.

Alarmes

Muitas vezes somente a presença de luz não intimida os assaltantes ou não desperta a devida atenção dos moradores. Por isso o alarme é uma ótima forma de proteger-se. Quando o sensor detecta o menor dos movimentos, o som disparado assusta até mesmo o mais destemido dos assaltantes.

O alarme alerta não somente os moradores, mas toda a vizinhança. Estes dispositivos podem ser instalados no interior de casas, garagens e até mesmo condomínios. Basta somente que todos os moradores saibam desarmá-lo e posteriormente ligá-lo novamente.

Câmeras de vigilância

É a melhor forma de acompanhar toda a movimentação em lugares como: garagens, entradas, jardins e portarias. As câmeras podem ser instaladas em entradas de casas, sendo monitoradas constantemente pelos proprietários. Em prédios elas podem ser colocadas em todas as portarias e garagens, sendo monitoradas o tempo inteiro por porteiros, síndicos ou pessoas encarregadas.

A utilização de câmeras de segurança em condomínios é extremante aconselhada, pelo fato destes lugares necessitarem de grande cobertura. Geralmente condomínios possuem porteiros ou até mesmo seguranças, o que facilita o monitoramento contínuo das câmeras.

Monitoramento remoto

Este monitoramento é a forma mais moderna de tecnologia que pode ser utilizada para a proteção da sua casa. Imagine acompanhar sua residência pela tela de seu smartphone? Sim, isso é possível. Existem tecnologias que permitem o monitoramento das câmeras, ligar ou desligar alarmes e entrar em contato com a polícia pela tela do seu celular.

Estes dispositivos enviam informações via internet que podem ser consultadas pelos proprietários em tempo real, permitindo maior segurança dos seus bens mesmo quando você estiver descansando na praia.

Ter diversos dispositivos instalados não quer dizer que sua residência estará sempre segura. Os equipamentos de segurança, assim como qualquer outro dispositivo eletrônico, podem falhar ou estragar.

Por isso periodicamente verifique se estão funcionando, faça testes, deixe os alarmes dispararem e certifique-se dos detectores de presença. Estas são pequenas atitudes que podem assegurar que eles não falhem em momentos cruciais.

Gostou das dicas para evitar invasões na sua casa? Viu como a tecnologia pode ajudar a cuidar do seu imóvel e da sua família? Você utiliza estes dispositivos para se proteger? Compartilhe conosco suas respostas. Ou caso você conheça outras formas de proteger-se de assaltantes, não deixe de nos contar.